Avaliação do Turismo como agente de conservação e impacto sobre o pato-mergulhão (Mergus octosetaceus) na região do Parque Nacional da Serra da Canastra – Minas Gerais

Avaliação-do-Turismo-como-agente-de-conservação

Bioma: Cerrado e Mata Atlântica

Duração: Janeiro/ 2012 a Fevereiro/ 2013

Contratante: Instituto Terra Brasilis

Cliente Final: Fundação Boticário de Proteção da Natureza

Macro Atividades: Apresentação de uma proposta metodológica de avaliação de impactos decorrentes do desenvolvimento turístico na região do PARNA Serra da Canastra sobre o pato-mergulhão, espécie ameaçada de extinção.

Rua Piauí,n-69 cep-30170-111, Sala 608 - Santa Efigênia - Belo Horizonte/MG
BlackJack